Ganhe R$15 OFF em sua primeira compra. Use o cupom

BEMVINDO

Whatsapp

Carrinho de Feira e Multiuso

carrinho de feira e multiuso

Filtros
Marca
Faixa de Preço
4 Produtos

Tipos de carrinho de feira

Agora que você conhece a importância do carrinho de feira, que tal conhecer os principais tipos para escolher o mais adequado para suas necessidades?



Carrinho de feira reforçado

O carrinho de feira reforçado, como o próprio nome sugere, é reforçado, pois conta com tecidos mais duradouros e consolidados. Geralmente, ele é indicado para compras mais pesadas, como as feitas em supermercados, ou para quem coloca bastante peso no carrinho.

De qualquer forma, é importante se atentar às informações de peso que o carrinho aguenta. Cada modelo possui uma e, por isso, você deve se atentar ao que o fabricante diz nas recomendações.



Carrinho de feira dobrável

O carrinho de feira dobrável é indicado para quem tem pouco espaço em casa para armazená-lo quando não estiver utilizando-o.

É só dobrar da forma indicada pelo fabricante e colocar dentro do armário ou em outro canto de acordo com sua preferência,

Ele também é bastante utilizado por quem mora em apartamentos ou casas que possuem escada. Isso porque, da forma dobrada, ele fica muito mais fácil de ser transportado. Genial, não é mesmo?



Carrinho de feira de lona

O carrinho de feira de lona é feito do próprio material e costuma ser mais resistente, duradouro e fácil de limpar. Isso devido ao próprio tecido que oferece vantagens em relação à manutenção.



Como escolher o melhor modelo de carrinho de feira?

Bom, essa pergunta é bastante comum e não tem uma resposta definitiva para ela. O melhor carrinho de feira vai ser aquele que atende mais suas necessidades.

Então, se você carrega muito peso, por exemplo, os de lona e os reforçados podem ser a melhor escolha. Agora, se você possui pouco espaço dentro de casa, o dobrável pode ser uma excelente pedida.

No final das contas, todos os carrinhos de feira oferecem mais praticidade e organização para suas compras. O que diferencia um do outro é o material, se é reforçado ou não, a capacidade de peso que pode aguentar e se ele é dobrável ou não.